Tablets ajudam crianças com autismo a desenvolverem melhores capacidades de comunicação

LOGO_MUNDOAZUL

Tablets ajudam crianças com autismo a desenvolverem melhores capacidades de comunicação

18 de novembro de 2013 · por Silmar Geremia

Artigo_Destaque

Uma nova pesquisa indica que as crianças com autismo podem aprender a falar mais cedo do que se pensava e os tablets estão desempenhando um papel cada vez maior para que isso aconteça, de acordo com Ann Kaiser, uma pesquisadora da Escola de Educação e Desenvolvimento Humano Vanderbilt Peabody.

Um estudo financiado pela Autism Speaks descobriu que os dispositivos usando softwares de vocalização para incentivar crianças com idades entre 5 e 8 anos a desenvolver habilidades de fala resultaram no desenvolvimento das palavras consideravelmente mais rápido em comparação com outras intervenções.Todas as crianças no estudo aprenderam novas palavras e várias aprenderam a produzir frases curtas enquanto brincavam e aprendiam através dos softwares.

 

Crianças com autismo tem um instrumento de comunicação facilitada nos tablets.

Crianças com autismo tem um instrumento de comunicação facilitada nos tablets.

“Para alguns pais, foi a primeira vez que conseguiram conversar com os seus filhos “, disse Susan W. Gray Professora de Educação e Desenvolvimento Humano. Com o advento dos iPads e outros tablets esse tipo recurso tornar-se acessível para um maior número de crianças com autismo e suas famílias. Dispositivos de comunicação aumentativa e alternativa – que empregam símbolos, gestos, imagens e saída de voz – têm sido usados ​​há décadas por pessoas que têm dificuldade em falar.

Agora, com a disponibilidade de aplicativos que emulam esses dispositivos, os tablets oferecem uma maneira fácil, acessível e barata para ajudar as crianças com autismo a se comunicar. Além disso, os tablets são muito menos estigmatizantes para os jovens com autismo que dependem deles para se comunicar com colegas, professores e amigos.

One response to “Tablets ajudam crianças com autismo a desenvolverem melhores capacidades de comunicação”

  1. Adriana Zink says :

    estou adaptando esse tipo de comunicação para a odontologia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: