DENISE FONSECA – A VIDA APÓS O DIAGNÓSTICO


Denise Fonseca de Jesus Aragão – mãe do menino autista João Pedro, de oito anos.

A experiência de ser mãe é indescritível e única. Não há nada comparável aos laços que unem a mãe a seu filho. Desta forma, quando descobrimos que este filho possui deficiência , seja ela qual for, este sentimento torna-se ainda mais forte, assim como a força que vem para que possamos nos fazer fortes por eles , para eles e com eles .

Ao questionarmos uma mulher grávida sobre ter preferência do sexo do bebê que espera, invariavelmente a resposta obtida é a mesma: “ Não importa , o importante é que venha com saúde !”

Todos sonham com um filho saudável e perfeito. Planos são feitos. Objetivos são traçados.

E então , quando o diagnóstico chega , jogando por terra todos os seus sonhos e planos, o sentimento de luto é inevitável. Quando o médico lhe dá o diagnóstico, a sensação que se tem é de estar frente a um juiz proferindo uma SENTENÇA DE MORTE, só que em vida.

Receber um diagnóstico de Autismo é saltar no vazio, na escuridão, num precipício cheio de medos e incertezas.

E você sofre, chora e vive o luto. Mas você pode perguntar: “LUTO?” Mas por que luto?

Quando falo luto, não é o luto pela morte de um filho. O luto a que me refiro é pela morte de suas expectativas em relação aos seus sonhos para este filho. O luto é pelo adeus à Faculdade de Medicina ou de Direito, pelos netos que, supostamente, não virão, pelo novo fenômeno do futebol que não acontecerá.

Seu filho está lá, na sua frente, a mesma criança de alguns minutos atrás, antes do diagnóstico. Mas você não é mais a mesma pessoa. Seus sonhos morreram. Mas outros sonhos nascerão em breve. Sonhos talvez menos ousados, porém mais desejados.

Junto com esta “nova” criança, vêm novos anseios, novas expectativas, enfim, um mundo totalmente novo, que vamos aprender a conhecer e a amar. Você AMA aquele filho, mais do que nunca! O seu amor ganha força e dimensões nunca antes imaginadas.

Pois, existe vida, SIM, após o diagnóstico!!!

Criei para nossa família a seguinte filosofia, que carinhosamente chamo de filosofia dos três “As”. O primeiro A seria a aceitação. Pois se eu não aceito o meu filho, como posso querer que a sociedade o aceite? Esta aceitação vem de dentro para fora. O segundo A é assumir: assumir seu filho perante a sociedade, sem meias palavras, assumir que ele tem uma condição diferenciada, não o tornando inferior a ninguém. E o último A seria amar. Amar antes de tudo e, principalmente, acima de tudo. Evitando pensamentos do tipo “se ele pudesse fazer isso ou aquilo…”

É preciso olhar para os indivíduos com Autismo com os olhos do coração. Porque o AMOR é a peça chave deste processo, a mola propulsora, que destrói barreiras e vence limites.

O Autismo é apenas uma parte da personalidade de meu filho. Mas é parte integrante de seu ser, sem dúvida. Eu amo o meu filho do jeito que ele é
Então, eu também amo o Autismo

Advertisements

8 responses to “DENISE FONSECA – A VIDA APÓS O DIAGNÓSTICO”

  1. Fausta Cristina says :

    Fantástico o texto da Denise, minha amiga virtual a quem admiro incondicionalmente.
    Fiquei intrigada em ver o quanto é parecido o que pensamos, que legal ver que a forma como as coisas nos parecem são compartilhadas por outras pessoas. Escrevi em setembro de 2011 um artigo para o portal Vida Mais Livre (http://vidamaislivre.com.br/colunas/coluna.php?id=3090&/fausta_cristina) e a similitude das idéias é visível, somos mães, amigas, passamos pelo processo do diagnóstico e pela vivência no autismo e embora a cultura diversa ou a localização geográfica distante, vivenciamos a questão do “luto” de forma muito parecida.
    Um grande abraço a você e todas as grandes mulheres que conseguiram extrair da dor a motivação pra se tornarem ainda melhores.

    • blogmundoazul says :

      Evento Social Mundo Azul,Lions Clube Rio de Janeiro e Fundação Armando Fajardo de Lions Clubes

      logo faf, governadora e mundo azul 1º oficio
      Lions Clube Rio de Janeiro
      Fundação Armando Fajardo de Lions Clubes e
      O Grupo de Pais Mundo Azul/Autismo (www.mundoazul.org.br)

      Convidam para a feijoada amiga, que será realizada no dia 11 de novembro de 2012, às 12:30hs, no Clube Marapendi, situado à Avenida das Américas, 3.979 Barra da Tijuca.
      Adesão: R$60,00 (sessenta reais), com bebida incluída, música ao vivo e sorteio de prêmios. A presença de personalidades do meio
      artístico é esperada.
      O Lions e a FAF são entidades que apóiam o Movimento referente a conscientização do AUTISMO e não participam da renda arrecadada neste evento, sendo esta direcionada ao Mundo Azul/Autismo.

      Contatos: Vera de Cnop 9649-7956
      Ilton Caruso e Keyla de Cnop (eventomundoazul.com.br)

  2. ADEMILSON MAIA. says :

    ESTE TESTO NOS MOSTRA A DIMESÃO EXATA DO AMOR. O REI ROBERTO CARLOS NOS FALA QUE, “O LIMITE CERTO DO AMOR, É O VERDADEIRO AMOR SEM LIMITE”, É ASSIM COM NOSSOS FILHOS.

  3. Vivian says :

    Lindo depoimento ! Depois do “luto” é hora de enxugar as lágrimas arregaçar as mangas e ir a luta ! É uma batalha que se vence a cada dia.

    • blogmundoazul says :

      Evento Social Mundo Azul,Lions Clube Rio de Janeiro e Fundação Armando Fajardo de Lions Clubes

      logo faf, governadora e mundo azul 1º oficio
      Lions Clube Rio de Janeiro
      Fundação Armando Fajardo de Lions Clubes e
      O Grupo de Pais Mundo Azul/Autismo (www.mundoazul.org.br)

      Convidam para a feijoada amiga, que será realizada no dia 11 de novembro de 2012, às 12:30hs, no Clube Marapendi, situado à Avenida das Américas, 3.979 Barra da Tijuca.
      Adesão: R$60,00 (sessenta reais), com bebida incluída, música ao vivo e sorteio de prêmios. A presença de personalidades do meio
      artístico é esperada.
      O Lions e a FAF são entidades que apóiam o Movimento referente a conscientização do AUTISMO e não participam da renda arrecadada neste evento, sendo esta direcionada ao Mundo Azul/Autismo.

      Contatos: Vera de Cnop 9649-7956
      Ilton Caruso e Keyla de Cnop (eventomundoazul.com.br)

      4567

  4. Claudia Moraes says :

    Parabéns mais uma vez Denise Fonseca por esse belo texto, mas principalmente pelo exemplo que você nos dá! Te admiro muito!

    Abraços,
    Claudia Moraes

  5. José Francisco dos Reis Neto e Juraci Costa de Souza dos Reis says :

    Texto maravilhoso! Como pais de um jovem autista de 20 anos, compartilhamos os seus sentimentos, exaltando o ágape em nossas vidas.
    Fraternalmente

    José Reis Neto e Juraci C.S.Reis

    • blogmundoazul says :

      JOSE FRANCISCO NO SITE MUNDO AZUL TEREMOS A PALESTRA DA DRA. RENATA MOUSINHO ÁS 18:00HS- I JORNADA CIENTIFICA FONOAUDIOLOGIA NÃO PERCAM É MARAVILHOSO.
      MUNDO AZUL- GRUPO DE PAIS
      O BRASIL PRECISA CONHECER O AUTISMO
      ILTON CARUSO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: