Archive | Dezembro 2011

O Ator Thiago Fragoso entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo

O Ator Thiago Fragoso entra na campanha Eu Apoio O Brasil Precisa Conhecer o Autismo,

O Ator Thiago Fragoso entra na campanha Eu Apoio O Brasil Precisa Conhecer o Autismo,ele acha importante a conscientizxação e informação da sociedade.
O iniciou de sua carreira teatral em 1989, ainda aos nove anos, em um grupo de teatro amador na Tijuca, no Rio de Janeiro.
Aos onze começou carreira profissional com o musical Os Sinos da Candelária, baseado no massacre de meninos de rua na igreja carioca em 1993. Desde então não parou mais.
Sua formação passou por duas companhias teatrais no Rio onde trabalhou com clássicos do teatro brasileiro e mundial; em 2003 e 2004 foi convidado a participar como esquete convidada do Circuito Carioca de Esquetes; em 2001 teve um espetáculo selecionado para a mostra “Frinji” do Festival de Teatro de Curitiba; fez inúmeros workshops e cursos de formação de voz, corpo, interpretação, dança e canto com diversos profissionais como Amir Haddad, Luis Melo, Leila Mendes, Marilena Bibas, Juliana Carneiro da Cunha, Michel Bercovitch e Felipe Abreu em instituições diversas como Uni-Rio, Casa de Arte das Laranjeiras, Studio Escola de Atores, dentre outras. Ganhou e foi indicado a diversos prêmios de ator, dentre eles “Melhor Ator” no Prêmio Contigo 2007 pela novela O Profeta e ganhou o mesmo prêmio na categoria “Par Romântico” pela novela.
Fez intercâmbio para os Estados Unidos em 1998 e morou durante um ano no Alabama onde se formou na Lamar County High School. O ator teve aulas de literatura americana e inglesa e até hoje é capaz de declamar trechos de Macbeth, de Shakespeare, em inglês. Participou de duas peças teatrais em um grupo de artes dramáticas escolar e ganhou o prêmio de “Melhor Ator do Ano” na cerimônia de graduação.
Sua estréia no cinema ocorreu em 2001, com o filme A Partilha, baseado na obra de Miguel Falabella e dirigido por Daniel Filho.
Seu primeiro protagonista da televisão foi na novela O Profeta, na Globo, remake de telenovela homônima, onde interpretou um jovem com poderes premonitórios com forte ambição. Esse personagem foi criado por Ivani Ribeiro.
Em 2007 fez a dublagem da versão em português do personagem Linguini, do Filme de Animação da Disney e Pixar, Ratatouille (filme).
Gravou uma música e clipe para a versão brasileira do CD/ DVD da trilha sonora do filme High School Musical 2, ao lado de Itauana Ciribelli, que se chama “Você é a Música em Mim” (versão de “You Are the Music In Me”). A versão fez tanto sucesso que acabou sendo retransmitida nos canais Disney de todo o mundo .
Thiago Fragoso protagonizou no ano de 2010, cenas emocionantes ao lado de Adriana Esteves na minissérie Dalva e Herivelto, onde viveu o cantor Pery Ribeiro, filho de Dalva e Herivelto.

Em 2011, Thiago Fragoso atuou num dos papéis centrais da novela das 18h, “Araguaia” e antes mesmo de terminar a produção, recebeu o convite para dar vida a Márcio Hayalla, um dos protagonistas da telenovela O Astro
VALEU AMIGO

Anúncios

Gabriel na festa de natal e amigo oculto novela Fina Estampa

Hoje foi a nossa festa de Natal e Amigo oculto da novela Fina Estampa,o Gabriel participou,adorou e curtiu.
Feliz Natal.

O Cantor e compositor “Ed” Motta entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo

O Cantor e compositor “Ed” Motta entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo afirmando a importancia da conscientização da sociedade.
Sua música tem raízes nos estilos funk/soul e disco, mas também tem influências de jazz, bossa nova, reggae, rock. Com grande diversidade de estilos e vários álbuns lançados no exterior, Ed Motta possui uma longa carreira nacional e internacional, tendo tocado e gravado com inúmeros nomes do cenário mundial, como Incognito, Bernardie Purdie (baterista do Steely Dan), o grupo português Jazzinho, entre outros.
Sobrinho do compositor carioca Tim Maia[2], Ed Motta ficou conhecido no fim da década de 1980, com as composições “Manuel”, e “Vamos Dançar”, que gravou com a sua então banda Conexão Japeri. Na década de 1990 retornou às paradas de sucesso com os hits “Fora da Lei”, “Vendaval” e “Colombina” (esta, lançada em 2000).
Além de multiinstrumentista, Ed também é colecionador de discos(possui mais de 30 mil títulos), fã de quadrinhos europeus e notório apreciador de vinhos, cervejas e chás.
Lançou em 2008 seu nono álbum de estúdio, Chapter 9, seu primeiro disco totalmente cantado em inglês, onde gravou todos os instrumentos. No segundo semestre de 2009, lançou o álbum Piquenique.
Em março de 2010 interpretou o Hino nacional americano na abertura da São Paulo Indy 300[3].
VALEU

O Cantor Alexandre Pires entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo

O Cantor Alexandre Pires entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo,ele acha importante que toda sociedade tenha informação e conscientização.
Alexandre começou a carreira musical em 1989 quando decidiu, ao lado do irmão Fernando e do primo Juliano, montar o Só Pra Contrariar (SPC), nome dado em homenagem à canção do Fundo de Quintal [1], banda que atingiu grande sucesso em pouco tempo. Quando aprendeu a tocar em seu cavaquinho o samba “Só Pra Contrariar”, do grupo Fundo de Quintal, Alexandre Pires não imaginou o quanto essa canção seria importante para sua carreira.

Reuniram alguns amigos de Uberlândia, no estado de Minas Gerais; vizinha de sua cidade natal; e começaram os ensaios. A década de 1990 foi de extrema importância para o grupo, que viu suas vendas crescerem ao longo da década. As apresentações em Uberlândia levaram o grupo a gravar o primeiro álbum em 1993, intitulado Que Se Chama Amor. Após lançar sete discos com o SPC, Alexandre Pires parte para carreira solo com o disco É Por Amor de 2001, dedicado ao mercado internacional. Mesmo cantado em espanhol, o álbum ganhou uma versão em português.

Com as músicas “Que Se Chama Amor”, “A Barata” e “Domingo” que estouraram nas paradas das rádios brasileiras, o grupo de pagode ganhou fama nacional, gravou mais seis álbuns de sucesso e alcançou a impressionante marca de três milhões de discos vendidos com um único trabalho e 10 milhões ao todo. A carreira internacional do cantor também teve início com a banda. O sucesso das músicas “Depois do Prazer” e “Mineirinho”, lançadas no Brasil em 1997, levou o SPC a gravar um álbum em espanhol, que vendeu 700 mil cópias nos países latinos.

O sucesso fez com que, em 1999, o cantor fosse convidado por Gloria Estefan para gravar um dueto na música “Santo Santo”, que o consagrou como um dos grandes intérpretes da América Latina. Mesmo em turnê com o SPC, em 2001 chegou às lojas seu primeiro álbum solo em espanhol, É Por Amor, que depois ganhou versão em português. Produzido por Emílio Estefan e dirigido ao público internacional, Alexandre mudou o estilo e trouxe várias baladas românticas. A música “Usted Se Me Llevó La Vida” entrou na trilha sonora da novela Porto dos Milagres e o consagrou como o mais novo intérprete nacional de sucesso. Sem conseguir acompanhar todos os compromissos, o cantor deixou o SPC em 2002, depois de uma apresentação para mais de 14 mil pessoas em Nova York.

A boa produção do primeiro álbum rendeu, em 2002, um Grammy na categoria “Engenharia de Som” e o reconhecimento da revista Billboard, com o prêmio no Latin Music Awards, de “Melhor Artista do Ano” em 2001. No mesmo ano, lançou “Minha Vida Minha Música”, um projeto da BMG que trouxe participações especiais e alguns depoimentos de artistas. No álbum de Alexandre, a atriz Suzana Vieira narrou a faixa de abertura.

Em 2003, Alexandre lançou o terceiro disco solo, Estrella Guia, com versão em espanhol para os países latino-americanos e Europa. O álbum contou com as participações de Alejandro Sanz em “Solo Que Me Falta” e de Rosário Flores na música “Inseguridad”. Além disso, cantou para o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, a música “Garota de Ipanema”, de Tom Jobim e Vinícius de Moraes, em português, na comemoração do mês da Independência Hispânica nos Estados Unidos.

Para aumentar a sua participação no mercado musical americano, foi lançada uma tiragem especial de Estrela Guia, acompanhada de um DVD com os videoclipes já gravados por Alexandre Pires. No ano seguinte, o cantor voltou ao Brasil e realizou diversas apresentações por todo o país, enquanto preparava seu novo trabalho inédito.

Em Alto-Falante, lançado em 2004, Alexandre Pires expôs seu pensamento e mostrou um repertório quase que totalmente autoral. A exceção é uma música inédita de Jorge Vercilo, “O Que Você Fez”, em rhythm and blues americano. Gravado no estúdio do artista, em Uberlândia, o álbum contou com as participações de Fat Family, Sampa Crew, Netinho de Paula e a dupla Caju & Castanha.

Em 2005, Alexandre Pires lançou o disco Meu Samba. O álbum, que contou com a produção de Cláudio Rosa, marca o retorno do cantor às raízes do samba. Ainda em 2005, no Dia Nacional da Consciência Negra, Alexandre recebeu o Troféu Raça Negra, na categoria “Melhor Cantor”.[2]

Em 2007, lançou mais um álbum, visando o mercado exterior e também foi um dos seus grandes sonhos, que era gravar um álbum só com canções de Julio Iglesias, intitulado A un idolo. Mas foi em 2008 que seu maior sonho foi realizado, no dia 8 de janeiro de 2008, data em que Alexandre comemora seu aniversário, foi gravado em sua cidade natal o seu mais recente álbum, o CD e DVD Em Casa. Com uma equipe de 150 pessoas, Alexandre afirma ter acompanhado tudo de perto. Destaque para as canções “Pode Chorar”, e “Delírios de Amor” com o Grupo Revelação, além de canções conhecidas da carreira do cantor. O DVD conta com a participação também de Ivete Sangalo, Daniel, Alcione, Perlla e dos cantores angolanos Yolá Araújo e Anselmo Ralph.[3]

Em 2010, Alexandre volta com um cd de inéditas, intitulado Mais Além.[4] O álbum extraiu os sucessos “Eu Sou o Samba” que conta com a participação de Seu Jorge e as baladas “Quem é Você” e “Erro Meu”. O álbum rendeu um CD/DVD ao vivo: Mais Além – Ao Vivo.
valeu amigo

Maria Fernanda Cândito Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo

A atriz Maria Fernanda Cândito entra na campanha Eu Apoio – O Brasil Precisa Conhecer o Autismo,ela acha importante a conscientização da população.

Autismo -Filme em produção que conta uma linda história – Principe da Caixa de Sapatos

O Principe da Caixa de Sapatos- um filme que pretende emocionar as mais variadas platéias com muita simplicidade em sua mensagem fundamentada nas questões de convivência e exclusão social a que muitos de nós somos submetidos em uma grande Metrópole como São Paulo.

Personagens divertidos,irregulares e muito humanos que buscam cada qual fugir das mazelas humanas como a pobreza, a solidão, o desprezo, o medo, a dor e principalmente a exclusão social.

Um ponto de vista sobre as dificuldades na educação e na convivência com o autismo, vista pela ótica de Aurora, irmã mais velha e proterora de Licio que vive na permanente preocupação pelo seu bem estar e segurança.

A história de um jovem que tem as caracteristicas do autismo, com um grande talento profissional: fazer sapatos artesanais. Licio 20 e poucos anos, é um exemplo de inocência, pureza e sabedoria, porque vê os acontecimentos da vida em sua forma mais sensivel como conversar com o Pai morto no qual aprenderemos uma grande lição de vida. Licio vive seu cotidiano entre a dificuldade de ter que ajudar cuidar da mãe doente na Melancólica cidade de Paranapiacaba e o trabalho em uma das ultimas fábricas de calçados artesanais da cidade de São Paulo.

Licio cria seu próprio universo e nos conduz a uma viagem lúdica para o interior , em nossos mais intimos pensamentos, que nos movem para fazer o bem ao outro sem olhar a quem.
Licio nos serve como modelo de ser humano determinado, livre de vicios e condições estabelecidas pelo meio em que vivemos. Licio é livre e vê a vida de outra forma, do seu jeito.

Licio irá descobrir o amor e que existe uma força muito maior e indescritivel que dá significado a vida quando conhece Julia, Musicista candidata a vaga de violonista do Instituto de Música de São Paulo. Julia terá seu destino arrebatado, transfigurado e por consequência será forçada a rever seus valores e sonhos depois que tenta sem sucesso “mudar de vida”.

Tudo Muda assim que conhece dois amigos hilários e muito diferentes, Odete e Danette duas transformistas de 70 anos que se vêem excluidas de todas as formas de respeito e dignidade por estarem justamente na falência absoluta da ultima forma de sobrevivência que têem a : “Boate Paraiso”. Julia então resolve ajudar e percebe que existe outros caminhos pois aprenderá a vivenciar a felicidade de forma diferente entre amigos.

Todos juntos irão aprender que a mais pura honestidade e inocência do principe pode ser exemplo para que eles mudem suas vidas para melhor e assim aprendem juntos que unidos podem fazer com que não haja exclusão.

Emerson Muzeli

DALTON VIGH EU APOIO -O BRASIL PRECISA CONHECER O AUTISMO

O ATOR DALTON VIGH ENTRA NA CAMPANHA EU APOIO -O BRASIL PRECISA CONHECER O AUTISMO,ELE ACHA IMPORTANTE A INFORMAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO DA POPULAÇÃO.
VALEU AMIGO